aparelho dentário

Os usos do aparelho dentário

Ter que usar aparelho dentário é algo que muitas pessoas não gostam, tanto por causa do desconforto estético causado pela sua aparência metálica quanto pelo desconforto que ele traz durante a fase de adaptação. Muitos precisam usá-lo na adolescência, coisa que torna qualquer tipo de chateação ainda mais complexa.

Apesar desse tipo de coisa, o aparelho dentário está entre os instrumentos mais eficientes e sofisticados da odontologia para correção de problemas de mordida e de má oclusão dental. Com a manutenção correta e com o cuidado do paciente o tratamento pode acabar mais rápido, trazendo melhoras notáveis para a qualidade de vida do paciente.

Existem majoritariamente dois tipos de aparelho dentário, os fixos e os móveis, que podem ser retirados para refeições e na hora de dormir. Em muitos casos o tratamento permite o uso de ambos.

Como funciona o aparelho dentário

Todo tipo de aparelho dentário funciona de uma forma parecida, que é com estruturas metálicas denominadas bráquetes, uma para cada dente, que são tensionados por arcos de metal com a intenção de lentamente reposicioná-los para a postura correta planejada pelo dentista responsável.

No aparelho dentário mais convencional, essas duas estruturas são conectadas pelas borrachinhas, que podem ser ou não coloridas de acordo com o gosto do paciente. Existem os aparelhos auto ligáveis, que dispensam as borrachinhas e funcionam ligando diretamente os arcos nos bráquetes. Além de ser mais discreto, esse tipo de aparelho garante um número menor de idas no dentista para manutenção, visto que só é necessário trocar o diâmetro dos arcos conforme for necessário.

De qualquer forma, o paciente precisa tomar alguns cuidados com seu aparelho dentário para que o tratamento ocorra corretamente, são eles:

  • Higienizar o aparelho após cada refeição;
  • Limpar o céu da boca corretamente;
  • Usar fio dental diariamente;
  • Evitar alimentos desfiados ou pegajosos.

Outras precauções com aparelho dentário

Uma questão importante é que caso o aparelho se solte dos dentes ou se rompa, o paciente não deve tentar fazer o conserto sozinho, apenas um dentista pode fazer isso. Tentar fazer o reparo por sua conta pode danificar ele permanentemente ou até machucar a boca, portanto uma consulta de emergência é o mais indicado.


Regiões onde a Consulta Ideal atende aparelho dentário:



aparelho dentário
aparelho dentário